O que você e sua equipe sabem sobre mudanças de hábitos?

O que você e sua equipe sabem sobre mudanças de hábitos?

Eu tenho uma pergunta para você: mudança de hábitos é um assunto complicado?

Sim, falar de mudança de hábitos é complicado. E digo mais: é traiçoeiro, quase perigoso… 

Por isso que eu me arrisco a dizer que promover a mudança de hábitos em um aluno é um dos maiores e mais importantes desafios do trabalho de uma academia.

Por que a Mudança de hábitos é de extrema importância?

Por uma razão muito simples: é a mudança de hábitos que garante a retenção dos seus clientes!

Ou podemos dizer de outra forma: é o fator que que mais evita a vontade do aluno desistir e cancelar seu plano, o que significa a perda de dinheiro.

Por isso, preste atenção nestas informações importantes sobre mudança de hábitos: 

Existem dois grandes hábitos que precisam ser encarados como essenciais numa academia, portanto devem ser estudados e trabalhados com foco e seriedade pelos profissionais, pois são decisivos na evolução, no crescimento do negócio:

1- Adotar o hábito de praticar exercício, ou seja, fazer com que os clientes frequentem a academia, não faltem às aulas, ou aos treinos.

a. O hábito do exercício gera um fator psicológico importante, que é a sensação de bem-estar no aluno. Chega um momento em que o praticante “precisa” fazer o exercício físico para se sentir em paz, sentir que cumpriu uma parte importante de cuidar-se (independente do resultado físico que ele tenha).

b. O outro fator é realmente o resultado fisiológico. Todo profissional sabe que é necessária uma consistência mínima nos treinamentos para obter mudanças fisiológicas relevantes que o aluno consiga perceber e valorizar. Alunos que faltam em demasia ou deixam grandes intervalos nos seus dias de treino dificilmente terão estes resultados, o que os leva a abandonar de vez a prática de atividades físicas.

2.  Mudar hábitos na alimentação é o segundo fator essencial e também está relacionado aos dois pontos:

a.      O fator psicológico: a grande maioria das pessoas tende a agir de forma radical, do tipo “ou faço tudo certo, ou tudo errado”. O que significa: quem se alimenta de forma adequada tem a tendência de ir mais vezes à academia; e uma alimentação totalmente desregrada faz com que se adote o discurso do “agora nem adianta treinar” (amanhã eu retomo).

b.      E novamente o fator fisiológico: alimentar-se de forma saudável potencializa e acelera os resultados da atividade física, que é um dos fatores motivacionais para a continuidade de um programa de exercícios, portanto de manter-se frequentando na academia.

*Uma alimentação ruim é capaz de anular totalmente a percepção de benefícios de um programa de treinamento.

Por que a Mudança de hábitos é difícil de lidar?

Simples: porque os profissionais não foram preparados para isso.

E o que é pior: grande parte deles acha que sim.

Ajudar os alunos a mudarem seus hábitos de vida, de saúde, é mais complexo do que pode parecer e existem alguns mitos promovidos pelas redes sociais que nos fazem trilhar caminhos errados.

Por exemplo:

– Leva 21 dias para mudar um hábito

– O propósito (o objetivo) é a parte mais importante para mudar um hábito.

– A mudança de hábitos está diretamente ligada à força de vontade

Estas e outras crenças levam os profissionais a simplificar a forma de lidar com a mudança de hábitos e quando fracassam em ajudar os alunos, logo sabem a razão:

– O aluno não tinha um objetivo realmente importante

– Ele não tinha força de vontade

– O aluno nem tentou fazer as dicas que demos para ele.

Conclusão:

Mudança de hábitos é parte fundamental na sua estratégia para aumentar a geração de resultados e a retenção de alunos, mas precisa ser estudada, entendida e bem aplicada, de forma mais eficiente.

Cabe ao gestor assumir este desafio e encontrar os caminhos na preparação da sua equipe, para que todos façam um trabalho consciente e eficiente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *